terça-feira, 7 de fevereiro de 2012

Alguém em quem confiar...

Sempre que me desaponto com alguém, quero colo.
Hoje eu estou muito triste. 
É como se minha ficha a respeito de algumas pessoas começasse finalmente a cair.
Fico pensando se os filhas da puta, que traem as amizades, as pessoas que se dedicam, são mais felizes...
Porque eu, quando decepcionada, sofro pra caramba com as falsas amizades.
Eu refleti um pouco em todas as coisas que me contam, sobre gente má que se passa de anjo na sua frente.
Gente que a gente nem acredita... Chega a assustar...
Sei que desaponto as pessoas também. Mas não sou má pessoa. Apenas impulsiva.
Não penso e faço, não penso e falo. Simplesmente não penso.
Mas tem gente que parece que trama, maquina, inventa...
Existem coisas que acontecem e EU SIMPLESMENTE NÃO ENTENDO.
Sempre prefiro pensar que todas as pessoas são boas e que quando erram, o fazem por um bom motivo.
Isso deve ser uma espécie de autoengano. 
Ilusões doem menos que a dura realidade.
"Se você quiser alguém em quem confiar, confie em si mesmo." (Renato Russo)

Nenhum comentário: